O Legado Tóxico da Engie Diamante Fram Capital no Brasil
  • TERRITÓRIO JORGE LACERDA

    O VALE DA CONTAMINAÇÃO E DA DESTRUIÇÃO

  • ciclo do carvão mineral em Santa Catarina

    ACESSE OS MAPAS

  • ASSINE E APOIE

    A PETIÇÃO

O ESTUDO QUE MOTIVOU DENÚNCIA:

Download here the Map of Contamination and Destruction Caused by the Jorge Lacerda Thermoelectric Complex and by the Mines that Supply it.

Version 1.1

sobre o estudo

A Engie vende sua imagem de compromisso ambiental no mundo, mas no Brasil, arma esquemas entre mineradoras e Governo Estadual e Federal para desviar das responsabilidades com passivos ambientais de grandes impactos.  Localizados em regiões costeiras de alta sensibilidade ambiental, incluindo fragmentos remanescentes de Mata Atlântica entre as Matas de Araucárias do Planalto e a Área de Preservação Ambiental de interesse para reprodução da Baleia Franca no litoral. A região impactada pela mineração de carvão, que ocorre há mais de meio século, apresenta graves danos relacionados à contaminação do solo, recursos hídricos e atmosfera.

 

Os impactos e o histórico de negligências relacionados a eles repercutem em conflitos com outras atividades econômicas importantes da região, como o cultivo de arroz, a pesca e o turismo, assim como no conflito decorrente da demanda por abastecimento de água potável.

 

 

Desde 1993 foram abertas Ações Civis Públicas pelo Ministério Público Federal para reparar os danos ambientais da região que hoje somam valores em torno de 1,5 bilhão de reais. Enquanto isso, a Engie inaugurou uma nova usina a carvão no estado vizinho, com custos de 2 bilhões de reais e potencial de geração de energia de apenas 345 MW. Fato incoerente com a necessidade urgente de recuperação ambiental e de Transição Justa no Sul do Brasil e com a divulgação dos seus compromissos de sustentabilidade e programas de governança ambiental e social, “ESG”.

Complexo Termoelétrico Jorge Lacerda - Renata Sembay

Através da publicação “O LEGADO TÓXICO DA ENGIE – FRAM CAPITAL NO BRASIL: Mapa da Contaminação de Destruição Geradas pelo Complexo Termelétrico Jorge Lacerda e pelas Minas de Carvão que o abastecem.” a ARAYARA.ORG e o Observatório do Carvão Mineral, tornam público para o mundo uma denúncia crime que expõe o mapa da contaminação e destruição ambiental ocasionada pela exploração, beneficiamento e queima para fins energéticos do carvão mineral na região sul do Brasil. 

MAPAS

imagens da destruição

A Obsolescência
do Carvão Mineral

O Instituto Arayara, juntamente com o Observatório do Carvão Mineral, Coal Watch e o Instituto Clima e Sociedade realizam uma série de estudos sobre os impactos do carvão mineral no Brasil. Assista a seguir o vídeo sobre a Expedição Santa Catarina.

ASSINE A PETIÇÃO E APOIE A EXPEDIÇÃO CARVÃO NO BRASIL

Com sua assinatura endossamos as ações impetradas na justiça para o descomissionamento da Termelétrica Jorge Lacerda e a co-responsabilização solidária dos envolvidos na cadeia produtiva.

notícias

COP26: Arayara vai à justiça para garantir recuperação social e ambiental do desastre causado pelas usinas Jorge Lacerda em Santa Catarina
COP26: Arayara lança nesta quinta (4) relatório sobre legado tóxico da usina termelétrica Jorge Lacerda em Santa Catarina

COP26: Arayara vai à justiça para garantir recuperação social e ambiental do desastre causado pelas usinas Jorge Lacerda em Santa Catarina São necessários R$ 5 bilhões para treinar trabalhadores ,

.
04/11/2021

COP26: Arayara lança nesta quinta (4) relatório sobre legado tóxico da usina termelétrica Jorge Lacerda em Santa Catarina Será divulgado o mapa da contaminação sobre cerca de um milhão de

.
03/11/2021

ENTRE EM CONTATO

nicole@arayara.org 
juliano@arayara.org

+55 41984450000
+55 41998453000

Andress : rua Gaspar Carrilho Junior 001, 
Bosque Gutierrez
Bairro : Vista Alegre
Cidade : Curitiba
Estado : Paraná
País : Brasil

Países de atuação :

Brasil, Uruguay, Argentina, Chile, Colômbia, República Dominicana, Panamá, Guatemala, Mexico, Jamaica


SIGA NOSSAS REDES

EnglishFrenchPortugueseSpanish